Por determinação da Secretaria de Estado de Saúde, o dia D da Campanha de Vacinação contra Poliomielite e Sarampo (que aconteceria no dia 22) será realizado no próximo sábado (29), das 08h às 17h, no Posto da Barateza. Devido ao feriado, a mudança na data foi necessária para que a meta estipulada de crianças vacinadas seja atingida. Em Areal, a equipe da secretaria de Saúde realizará ainda vacinações extras nos bairros distantes do centro da cidade.

Hoje (25), a vacinação acontece nos postos de saúde e através de um carro que se deslocará pelos bairros Boa Esperança, São Lourenço, Vila Dantas e Cachoeirinha. Na quinta-feira (27) é a vez dos bairros Morro Grande, Goiabal e São Pedro. Pais e responsáveis devem estar cientes de que a campanha tem como público-alvo crianças de 6 meses a menores de 5 anos, ou seja, 4 anos, 11 meses e 29 dias. É necessária a apresentação do cartão de vacinação.

Vale lembrar que a poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave. Na maioria dos casos, a criança não vai a óbito quando infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia irreversível, principalmente nos membros inferiores. A doença é causada pelo poliovírus e a infecção acontece, principalmente, por via oral.
Já o sarampo é uma doença viral aguda grave e altamente contagiosa. Os sintomas mais comuns são febre alta, tosse, manchas avermelhadas, coriza e conjuntivite. A transmissão ocorre por meio de secreções expelidas pelo doente ao tossir, falar ou respirar. As complicações infecciosas contribuem para a gravidade da doença, principalmente em crianças desnutridas. A única forma de prevenção é a vacina.

1013842_804328439606572_5562874792765064553_n
Nesta quinta-feira (13), a partir das 9h, a equipe de saúde do município de Areal estará nos bairros Boa Esperança, Vila Dantas, Cachoeirinha e São Lourenço realizando a campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo. A campanha nacional, que teve início no último sábado (08), já ultrapassa a meta esperada pela secretaria de Saúde.

A campanha tem objetivo de evitar a paralisia infantil, no caso da poliomielite, e imunizar as crianças contra o sarampo. Ambas as doenças são consideradas graves, de acordo com Ministério da Saúde. O público-alvo são crianças entre seis meses e quatro anos de idade. Pais e responsáveis devem se dirigir as subunidades de saúde dos respectivos bairros, levando o cartão de vacinação.

Vale ressaltar que a campanha é realizada diariamente nas unidades de PSF da cidade.

Informações sobre as doenças:

A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave. Na maioria dos casos, a criança, quando infectada, não morre, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso e provocam paralisia irreversível, principalmente nos membros inferiores.

Já o sarampo é uma doença viral aguda grave e altamente contagiosa. Os sintomas mais comuns incluem febre alta, tosse, manchas vermelhas, coriza e conjuntivite. A transmissão acontece de pessoa para pessoa por meio de secreções expelidas ao tossir, falar ou respirar. A única forma de prevenção da doença é a vacinação.