car1g
Hoje (26/10), a equipe do Comitê Piabanha, em parceria com a Prefeitura Municipal de Areal, reuniu produtores rurais locais e profissionais da área com objetivo de esclarecer questões sobre os temas CAR (Cadastro Ambiental Rural), CNARH (Cadastro Nacional de Usuários de Recursos Hídricos) e o Novo Código Florestal. Criado pela Lei 12.651/12, o Cadastro Ambiental Rural (CAR) é um registro eletrônico, obrigatório para todos os imóveis rurais.

A equipe do Comitê Piabanha estará novamente amanhã (terça-feira, 27/10), na Secretaria de Trabalho, Turismo, Indústria e Comércio, Lojas 29 e 30, no Shopping da Ilha, oferecendo apoio técnico gratuito para realização do CAR aos imóveis rurais de Areal, com até 4 módulos fiscais (112 hectares).

O CNARH foi desenvolvido pela Agência Nacional de Águas (ANA), em parceria com autoridades estaduais gestoras de recursos hídricos. O objetivo principal é permitir o conhecimento do universo dos usuários das águas superficiais e subterrâneas em uma determinada área, bacia ou mesmo em âmbito nacional.

O conteúdo do CNARH inclui informações sobre a vazão utilizada, local de captação, denominação e localização do curso d’água, empreendimento do usuário, sua atividade ou a intervenção que pretende realizar, como derivação, captação e lançamento de efluentes. O preenchimento do cadastro é obrigatório para pessoas físicas e jurídicas, de direito público e privado, que sejam usuárias de recursos hídricos, sujeitas ou não a outorga (Resolução ANA nº. 317, de 26 de agosto de 2003, que instituiu o CNARH).

A Secretaria de Meio Ambiente agradece ao Prefeito de Areal, Flávio Bravo, e também ao Presidente do COMDEMA, José Augusto Bernardes, que não mediram esforços junto ao Comitê Piabanha para a realização de tão importante evento, que tem como meta cadastrar todos os proprietários de área rural que até a presente data não se regularizaram.

Mais informações sobre o cadastro:
24 2237-9913
24 98855-2189
car.piabanha@agevap.org.br

3 - G
O secretário de Meio Ambiente de Areal, Juvenal Brasil foi convidado para falar na tarde de ontem (20) na UFRRJ de Três Rios, na Semana Acadêmica de Gestão Ambiental. O evento foi aberto para todos os cursos. O tema abordado pelo secretário foi “Fomento a inclusão socioprodutiva, através da coleta seletiva”.

A proposta foi apresentar o case de sucesso que o município de Areal vivencia através da coleta seletiva. Os eixos abortados foram sustentabilidade socioeconômica e ambiental, inclusão de catadores de material reciclado no mercado formal de trabalho e geração de emprego e renda neste setor.

A coleta seletiva em Areal está gerando emprego e renda, melhoria na saúde pública e o município participa do Prêmio do Sebrae no quesito Sustentabilidade e Inovação. Para Juvenal Brasil é possível uma adequação das cidades ao modelo de coleta seletiva, visto que em Areal, além do programa estar em conformidade com as Leis ambientais e da política nacional de resíduos sólidos, o município gerou oportunidade para pessoas que estavam fora do mercado de trabalho e sem expectativas de emprego.

“O Prefeito Flávio Bravo nos deu a missão de implantar este programa e avançar neste setor. Hoje temos maquinários como prensa, local adequado, equipe que passa constantemente por capacitação, caminhão para coleta e nesta semana, conseguimos mais um veículo, fruto do trabalho e parceria que o prefeito tem com o Governo do Estado” Disse o secretário.

ProjetoEscolaVerde_MeioAmbiente

Na manhã do último dia 05 de outubro, os alunos da Escola Estadual Municipalizada Alberto Torres participaram do projeto Escola Verde. Foram realizadas palestras, atividades lúdicas de Educação Ambiental e plantio de mudas no entorno da Escola, juntamente com a Equipe de Educação Ambiental da CONCER e de servidores da Secretaria de Meio Ambiente.

O projeto consiste em conscientizar aos alunos sobre a importância da prevenção de incêndios florestais e sobre a importância de se evitar algumas práticas que propiciam a propagação de fogo para nossas matas, evitando assim danos graves ao meio ambiente.
Os alunos recebem orientações de plantio de árvores nativas da Mata Atlântica (bioma predominante da nossa região) e farão a manutenção das mudas plantadas no entorno da Escola.
A Secretaria de Meio Ambiente em parceria com a CONCER, realizou anteriormente o Projeto Escola Verde nas seguintes Escolas: Joaquim Vital Vieira, CIEP 24 de Novembro e Escola Renato Féo.

A Secretaria de Meio Ambiente agradece ao corpo docente e discente da Escola pela atenção e interesse, à equipe da CONCER pela disponibilidade e parceria e, também, à Secretaria de Educação, Esporte, Cultura e Eventos.

A Educação Ambiental é a chave de um futuro sustentável!

artessds
A secretaria de Meio Ambiente participou na última sexta- feira, 24 de julho da  Programação de Inverno – I Festival de Curta Metragem e Conhecimento Olhar Dinâmico  com a “Feirinha do Programa Municipal de Artesanato Solidário”

O evento foi realizado  pela Secretaria de Educação, Cultura, Esportes e Eventos e Casa das Artes, na Rua da Cultura, em Areal.

O Evento contou também com amostras de Dança de Rua e exibição de Curta Metragens abertos ao público e debates no intuito de incentivar reflexões sobre os temas propostos.

conveniogrecicl

Mais uma vitória para o Meio Ambiente no Município de Areal, na manhã da última quinta-feira (30), o Prefeito Flávio Magdalena, juntamente com as Prefeituras de Paraíba do Sul e Paty do Alferes, assinaram um convênio com a AGEVAP através do Comitê Piabanha, que tem por objetivo a implementação do Programa de Pagamento por Serviços Ambientais com foco em recursos hídricos (PSA Hídrico), primeiro na categoria a ser executado no Estado do Rio de Janeiro.

O projeto tem como objetivo principal a recuperação de nascentes através do reflorestamento de seu entorno e remuneração ao proprietário da área contemplada.

Dentre mais de cem Municípios pertencentes à Bacia do Rio Paraíba do Sul inscritos no projeto, apenas quatorze projetos foram aprovados, sendo que o PSA Hídrico de Areal obteve pontuação máxima; fica registrado o brilhante desempenho do nosso Fiscal, Geraldo Magela e a Eng° Ambiental Lidiane Borsato, na sensibilização e defesa oral de nosso projeto na reunião de apresentação.

A instituição responsável pela implantação do projeto é o Instituto Nacional de Tecnologia e Uso Sustentável (INNATUS).

No Município de Areal o programa será implantado na localidade de Boa Esperança com plantio de 20.000 mudas de árvores nativas do Bioma Mata Atlântica, delimitação e proteção da área e monitoramento por 2 anos.

O evento contou com a presença de representantes do Secretário do Ambiente do Estado do Rio de Janeiro, André Corrêa; Prefeito de Paraíba do Sul, Marcinho; Secretário Municipal de Meio Ambiente de Areal, Juvenal Brasil; Secretária Municipal de Meio Ambiente de Paraíba do Sul, Nathália Mafra; Secretária do CEIVAP, Maria Aparecida Borges; Diretor da AGEVAP, André Luis de Paula; Comitê Piabanha, Paulo Leite; Superintendente do INEA, Alexandre Becker; Presidente do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Areal, José Augusto (Gutinho); Vereadores e ONG’s locais.

firG

O grupo de Meio Ambiente do Sistema Firjan no Centro Sul Fluminense estuda criar um consórcio para produção de biodiesel na região de Três Rios. A ideia surgiu após uma visita da comitiva à Usina de Biodiesel do Rio de Janeiro, em Honório Gurgel, no dia 18 de maio.
A usina funciona dentro de uma associação de recicladores, a Abrepet. O óleo é recolhido em diversos pontos da cidade e, após o processo, é transformado em biodiesel, um combustível renovável e biodegradável, feito para ser usado em motores diesel padrão.
Formado por representantes da Federação das Indústrias do Rio e de secretarias de Meio Ambiente de Areal, Sapucaia e Três Rios, o grupo da FIRJAN enxergou a possibilidade de levar a ideia à região.
“O trabalho de recolhimento de óleo já é feito. O que precisamos é encontrar uma forma para reverter isso em mais benefícios para nossa região. Por exemplo, com a produção do biodiesel, o investimento será transformado em economia, já que aproveitaremos os combustíveis nos próprios veículos da administração pública. É um trabalho que pode ser explorado. Uma oportunidade e tanto, que nossa região precisa valorizar”, disse o secretário de Meio Ambiente de Areal, Juvenal de Souza Brasil Neto.
O presidente da Representação Regional da FIRJAN, Alceir José Corrêa, acredita que o consórcio traria diversos benefícios. “Com essa aliança os municípios poderão realizar um trabalho conjunto para recolhimento deste óleo e reaproveitar na própria região”, disse o presidente, que também participou da caravana acompanhado do especialista em Meio Ambiente da FIRJAN, Ivan Sá Earp Mello e Silva.
De acordo com o presidente da Abrepet (Associação de Recicladores de Embalagens Pet), Edson Freitas, o processo é viável e bem simples: “recolhemos o material nos postos de coletas, que neste caso é o óleo de cozinha, que anteriormente era descartado, e o reutilizamos. Com o biodiesel produzido, podemos usar em carros, máquinas e tratores normalmente. Uma economia e tanto para as prefeituras e empresas”, explica.
O Grupo de Meio Ambiente do Sistema Firjan no Centro Sul Fluminense se reúne mensalmente para discutir questões voltadas para as necessidades da região. Ações como recolhimento e reutilização de material reciclável, reuso da água, e trabalhos para conscientização estão entre os assuntos mais abordados.

Fonte: Jornal Entre-Rios

artesanatosolidariog
No ultimo sábado (11/4), a Secretaria de Meio Ambiente lançou o Programa Municipal de Artesanato Solidário! O Programa visa o apoio a Artesãos e o resgate cultural do município aliado à reutilização de materiais recicláveis.

O lançamento do Programa fez parte da Programação de Comemoração dos 23 anos de Emancipação Político-Administrativa de Areal e reuniu Artesãos cadastrados na Secretaria de Meio Ambiente.

Agradecemos a presença do Exmo Prefeito Sr. Flávio Magdalena Bravo e seu total apoio aos trabalhos desenvolvidos por esta Secretaria, e a todos que prestigiaram o Programa.

Fonte: Secretaria de Meio Ambiente

tetrapakg

Seguindo a programação de comemoração dos 23 anos de Emancipação Político Administrativa de Areal, ocorreu, na última sexta-feira (10/4), a Cerimônia de Entrega de Equipamentos pela Empresa Tetra Pak ao Programa Municipal de Coleta Seletiva Solidária do município.

O Evento ocorreu no novo Galpão de Triagem do Programa e contou com a presença do Exmo. Prefeito Sr. Flávio Magdalena Bravo, do Secretário de Meio Ambiente Sr. Juvenal Brasil, da Coordenadora do Programa Coleta Seletiva Solidária do INEA Srª Pólita Gonçalves, da Assessora Técnica do INEA Srª Rose Alves, do Consultor da Tetra Pak Sr. Paulo Ribeiro, Secretários Municipais, Vereadores e Cooperativa de Catadores de Areal.

Os equipamentos entregues pela Tetra Pak darão agilidade no processamento e ajudarão a agregar valor aos materiais recicláveis coletados pela Cooperativa. A renda obtida é revertida para os Cooperados.

Fonte: Secretaria de Meio Ambiente

g
Em Comemoração ao Dia Mundial da Água, foi realizada na data de ontem (26/03), a Apresentação com o Presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Piabanha e das Sub-Bacias Hidrográficas dos Rios Paquequer e Preto (Comitê Piabanha), Sr. Paulo Sérgio Oliveira de Souza Leite, sobre o Tema “Crise Hídrica no Estado do Rio de Janeiro”.

O Presidente do Comitê Piabanha enfatizou a importância da Gestão dos Recursos Hídricos no cenário atual e, juntamente com o Secretário de Meio Ambiente, Juvenal Brasil, foram apresentadas ações do Comitê em parceria com o município.

Na ocasião, foi ressaltada ainda a necessidade de uma participação mais efetiva da Sociedade Civil na composição da Plenária do Comitê, que atualmente conta com 30 membros com direito a voto e distribuídos da seguinte maneira:
12 representantes dos Usuários da Água;
09 representantes da Sociedade Civil;
09 representantes do Poder Público.

Os Comitês de Bacia visam gerenciar o uso dos recursos hídricos de forma descentralizada, com a participação da sociedade, garantindo a todos os membros o mesmo poder de deliberação na tomada de decisões que influenciarão na melhoria dos recursos hídricos e no desenvolvimento sustentável da bacia.

fonte: Secretaria de Meio Ambiente

CRISEHIDRICAGRANDE
A Secretaria de Meio Ambiente convida a toda a população de Areal participar da palestra com o Tema “Crise Hídrica no Estado do Rio de Janeiro”, ministrada pelo Presidente do Comitê Piabanha, Sr. Paulo Sérgio Oliveira de Souza Leite, que se realizará no dia 25 de março de 2015, às 19 horas, na Câmara Municipal de Areal, sito a Praça Duque de Caxias, 39, Areal/RJ.

Contamos com sua presença!

MAIS INFORMAÇÕES:
Secretaria de Meio Ambiente
Tel: 24 2257-3919
Praça Duque de Caxias, 39, Centro, Areal-RJ, CEP: 25845-000